Reflexão do Evangelho do 8º Domingo do Tempo Comum (Mt 6,24-34)

DEUS OU O DINHEIRO?

ilustracao_jovem_dinheiro_221012091039A chave para ler o evangelho de hoje está nas palavras de Jesus: “Buscai em primeiro lugar o reino de Deus e a sua justiça, e todas essas coisas vos serão dadas por acréscimo”. Buscar o reino de Deus é basicamente comprometer-se com a busca da justiça, com a construção de um mundo fraterno, em que a generosidade fala mais alto que o egoísmo, e a confiança em Deus se traduz em ações concretas de resgate da vida humana.

A vida, lembra-nos Jesus, é muito mais que as preocupações materiais, como comida, bebida ou roupas. Quando se busca o reino de Deus, essas coisas vêm como consequência. No entanto, num mundo marcado pelas leis do mercado, no qual só conta quem tem dinheiro, os cristãos não podem usar essas palavras de Jesus para justificar uma confiança passiva, como se Deus fosse resolver as injustiças sociais criadas pelo ser humano. A confiança cristã não cai no despropósito de jogar para Deus as responsabilidades que são dos seres humanos.

A idolatria do dinheiro criou e mantém na miséria muitos filhos de Deus, desfigurados no corpo e maltratados na alma. Sim, é preciso se preocupar com o alimento e a roupa, mas esta preocupação é inútil sem a preocupação fundamental pela busca do reino e sua justiça. Confiar na providência divina, portanto, é tomar consciência de que somente com Deus podemos começar a viver já aqui a justiça do reino, aliviando as preocupações e as dores de tantos irmãos que lutam para sobreviver.

“Dos que vivem em Cristo se espera um testemunho muito crível de santidade e compromisso. Desejando e procurando essa santidade, não vivemos menos, e sim melhor, porque, quando Deus pede mais, é porque está oferecendo muito mais” (DAp 352). Deus se oferece totalmente e nos pede mais, pede-nos o compromisso com seu reino. Afinal, onde está nossa confiança? Estamos entregando nossa vida a Deus e seus filhos ou ao dinheiro e suas traças?

Pe. Paulo Bazaglia, ssp

Anúncios

Publicado em 2 de março de 2014, em REFLEXÕES e marcado como . Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s